CS:GO: Jaguares e Isurus deixam CBCS após denúncias de VAC

spot_imgspot_imgspot_img

Jaguares e Isurus se juntaram ao grupo de três equipes (Bears, DETONA e Vivo Keyd) que não participarão mais do CBCS Elite League Season 1, torneio que faz parte do Regional Major Ranking (RMR) da América Latina, que contemplará uma equipe para o PGL Major Stockholm 2021. As organizações anunciaram a retirada do torneio nesta quarta-feira (28) para investigar supostos banimentos por VAC de integrantes do time.

Agora, chega a cinco o número de times que fariam parte do torneio classificatório, mas que tiveram que deixar o torneio por terem jogadores envolvido com o banimento aplicado pela Valve. Um dos times mais tradicionais da cena sul-americana, a Isurus se retirou após André “drop” Abreu, contratado por empréstimo da FURIA Rivarly para a disputa do CBCS, confessar o VAC.

A confirmação do banimento do único brasileiro presente no time argentino se deu por uma nota divulgada pela FURIA. Nela, eles apontam que o jogador relatou ter tomado VAC ban no ano passado em decorrência de skin changer – programa utilizado para modificar a skins de armas e que é considerado ilegal pela desenvolvedora de Counter-Strike.

Momentos antes, a Jaguares havia comunicado a desistência da competição. Inicialmente, a organização relatou que aguardaria uma resposta da Valve sobre o banimento de Emerson “desh” Henrique, mas optou por se retirar mesmo sem receber uma resposta da empresa. De acordo com o comunicado, o objetivo seria evitar “um maior desgaste da equipe”.

spot_imgspot_imgspot_img

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

spot_img

Últimas notícias