VCT LOCK//IN: LOUD vence NRG e vai à semifinal

loud valorant
Foto: Colin Young-Wolff/Riot Games

A LOUD está na semifinal do VCT LOCK//IN. Neste domingo (19), a atual campeã mundial bateu a conterrânea do VCT Américas, NRG por 2 a 1 em uma série dramática e cheia de reviravoltas e espera pelo vencedor de DRX e Talon Esports, que se enfrentam ainda hoje. Confira como foi a série.

Split: LOUD 13 x 3 NRG

A série iniciou com o mapa da Split, escolha da NRG. O round pistol havia começado difícil para os brasileiros no lado de ataque, mas logo recuperaram graças aos bons abates obtidos por Matias “Saadhak” Delipetro. Com a vantagem, a equipe brasileira abriu quatro pontos de vantagem contra NRG (4-0).

anúncio betboomanúncio betboom

Depois disso, os americanos conseguiram dois pontos (4-2). Contudo, a LOUD voltou a recompor-se no lado atacante, embalando uma sequência de sete rounds. A primeira metade, por sua vez, terminou bastante favorável aos brasileiros, em 9 a 3.

Já na segunda parte do embate, a NRG havia conseguindo o domínio do Spike Site A da Split durante o pistol. No entanto, a estrela de Arthur “tuyz” Vieira brilhou, garantindo o décimo ponto da LOUD.

A partir daí, só deu a equipe brasileira no mapa, que venceu com uma vitória esmagadora de 13 a 3, abrindo a série com vitória na escolha do adversário.

Pearl: LOUD 13 x 15 NRG

No mapa de escolha da LOUD, Pearl, a equipe brasileira executou um excelente retake no pistol, frustrando a chance da NRG sair na liderança no placar. Em seguida, chegou ao 3 a 0.

Contudo, os americanos não se deixaram abalar, buscaram a recuperação e saíram vencendo a primeira metade por 7 a 5.

Iniciando a segunda metade, a LOUD não conseguiu boas infiltrações perante a NRG, perdendo rounds cruciais e vendo o adversário se distanciar cada vez mais no placar, em 11 a 4.

Mesmo assim, os brasileiros foram valentes e, round a round, foram se recuperando, até empatar o placar em 12 a 12 e levar o jogo para a prorrogação.

No tempo extra, a LOUD chegou a ficar a um ponto de fechar a série, mas a NRG conseguiu buscar uma segunda prorrogação. Embalada, a equipe americana retomou o controle das ações, venceu por 15 a 13 e empatou a série em 1 a 1.

Fracture: LOUD 18 x 16 NRG

No derradeiro mapa, a LOUD teve um ótimo início no lado atacante, com um round pistol muito forte em direção ao Spike Site da B. Com isso, os brasileiros abriram uma vantagem de quatro pontos contra a NRG (4-0). A equipe norte-americana, por sua vez, conseguiu boa recuperação ao vencer três rounds seguidos (4-3).

Após isso, Ardis “ardiis” Svarenieks era quem desequilibrava a favor da NRG, fazendo com que sua equipe se aproximasse cada vez mais da LOUD. A primeira metade, porém, ainda terminou favorável a atual campeã mundial, com o placar de 7 a 5.

Indo para a segunda parte, a LOUD engatou a quarta marcha e conseguiu abrir uma boa distância de rounds contra NRG, abrindo 10 a 5. Ainda assim, os adversários conseguiram se recuperar e encostar no placar. O embate seguiu parelho até que, no match point da NRG, a estrela de Cauan “cauanzin” Pereira brilhou, levando a Fracture para a prorrogação.

Após três tempos extras, a LOUD fechou o mapa com vitória por 18 a 16, um 2 a 1 na série e a vaga na semifinal do VCT LOCK//IN São Paulo.

Total
0
Compartilhamentos
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

melhores cassinos online melhores cassinos online