CS2: STYKO doará 10% dos lucros com stickers para família de jogador morto

STYKO no 1º Major de CS2 (Foto: Divulgação/PGL)

Martin “STYKO” Styk, da Apeks, anunciou nesta quinta-feira (21) a intenção de destinar 10% dos lucros provenientes dos próprios stickers do PGL CS2 Major Copenhagen para a família de David “Cynic” Polster, jogador da BOSS que morreu antes do RMR das Américas.

No X ( antigo Twitter), STYKO detalhou que 20% dos ganhos obtidos com os adesivos serão doados no total. Desse montante, 10% serão destinados à família de Cynic, enquanto os outros 10% irão para a Twisten Foundation, organização estabelecida pela família de Karel “Twisten” Ašenbrener, um jogador de VALORANT que faleceu após lutar contra a depressão.

anúncio betboomanúncio betboom

    “Buscar troféus e vitórias na vida é louvável, mas nunca é um caminho fácil. Muitas vezes, a saúde mental dos jovens jogadores é negligenciada em prol de uma carreira. Às vezes, isso acaba mal. E quando isso acontece, é tarde demais”, afirmou STYKO.

    Cynic, que jogava pela BOSS, morreu em janeiro aos 23 anos. A morte foi anunciada por Tommy “Axed” Ryan, então treinador do jogador, sem revelar a causa.

    Após um atraso considerável, a Valve lançou os adesivos do PGL CS2 Major Copenhagen após o fim do Opening Stage. STYKO disputou o mundial pela Apeks, eliminada ainda na fase inicial após três derrotas para equipes brasileiras.

    Total
    0
    Compartilhamentos
    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    melhores cassinos online melhores cassinos online