100 Thieves planeja voltar ao CS:GO

A organização americana 100 Thieves está planejando voltar para o CS:GO com “força total”, segundo o que foi apresentado em um vídeo do dono da equipe, Matthew “Nadeshot” Haag.

A 100 Thieves tentou entrar no competitivo de CS:GO no início de 2018 após ter comprado a lineup brasileira que fazia parte da antiga Immortals, que consistia em fnx, kNgV-, HEN1, LUCAS1 e b1t. Porém, após problemas de visto com kNgV, além da repercussão do caso que envolveu o próprio jogador e Thoorin no Twitter, os jogadores decidiram rescindir o contrato, sem jogar sequer uma partida oficial.

Leia também:

Volta ao CS:GO e OpTic na mira de Nadeshot

No vídeo lançado em seu canal, Nadeshot explica que a organização recebeu de um fundo de investimentos, o total de 35 milhões de dólares e que ele estaria interessado em contratar um novo elenco de CS:GO.

Segundo informações da HLTV, um dos times cotados a assumir essa vaga é o elenco dinamarquês da OpTic, que está procurando uma nova casa após a Immortals Gaming Club anunciar a aquisição da organização.

A compra da OpTic inviabiliza o elenco dinamarquês de participar de qualificatórios futuros do Major, já que a mesma organização, no caso a Immortals, não pode ter duas equipes de CS:GO disputando jogos relacionados ao Major, pois a mesma já é dona do elenco brasileiro da MIBR.

Recentemente, Kristian “k0nfig” Wienecke deu pistas em suas redes sociais, comentando que a sua equipe teria assinado com outra organização, que pode ser a própria 100 Thieves.

 

Foto de capa: Counter-Strike: Global Offensive/Valve

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas notícias