CS:GO: ficar AFK nas partidas não aumenta chances de obter o teste do CS2

cs2
Foto: Reprodução/Valve

Um dos motivos para os recordes recentes de jogadores simultâneos no CS:GO está no fato de tempo de jogo ser um dos requisitos para receber acesso ao beta do Counter-Strike 2. Contudo, nesta segunda-feira (27), a Valve jogou um balde de água fria naqueles que estão “grindando” no FPS em busca da oportunidade de testar a nova versão.

Pelo Twitter, a empresa afirmou que o tempo de jogo que está sendo levado em consideração para dar acesso ao beta do CS2 é aquele antes do início da fase de testes. Ou seja, as muitas horas recentes dedicadas pelos jogadores não valerão de nada. Também de acordo com a Valve, ficar ausente durante as partidas não ajuda.

anúncio betboomanúncio betboom

+ Hype do CS2 leva CS:GO a alcançar mais de 1,5 milhão de jogadores simultâneos
+ CS2: C4 emite som ao ser dropada
+ FaZe vence a ESL Pro League 17 e conquista o Intel Grand Slam

“Ficar ausente nos servidores oficiais do matchmaking do CS:GO não aumenta as chances de ganhar acesso ao Teste Limitado do CS 2. O tempo de jogo que conta é aquele antes do início do beta”, escreveu a Valve.

Neste fim de semana, por três vezes, o CS:GO bateu o recorde de jogadores simultâneos. No domingo, segundo a plataforma Steam Charts, foram registrados 1.519.457 jogadores ao mesmo tempo no FPS.

O beta do Counter-Strike 2 começou na última quarta-feira (22). Além de tempo de jogo, são requisitos para se ganhar acesso à fase de testes o “Fator de Confiança” e a situação da conta na Steam.

Total
0
Compartilhamentos
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

melhores cassinos online melhores cassinos online