CS:GO: projeto de felps e WOOD7 interessa o Fluxo, diz site

Foto: Reprodução/GODSENT

O Counter-Strike: Global Offensive vem chamando a atenção de organizações presentes em outras modalidades. Originário do Free Fire, o Fluxo é mais uma que pode aparecer no FPS da Valve, já que tem interesse no projeto encabeçado por Adriano “WOOD7” Cerato e João “felps” Vasconcellos. A informação é da Dust2 Brasil.

+ ESL Challenger Valencia 2022: formato, jogos, times e premiação
+ CS:GO: jogador cria adesivo animado e resultado é incrível
+ Conheça Alpha Ace, jogo mobile da Garena inspirado em Counter-Strike

Segundo o site, a dupla possui o interesse de atuar junta e assinar com a organização criada por Bruno “Nobru” Goes e Lúcio “Cerol” Lima. Os demais nomes do elenco estão sendo definidos e o clube trabalha com parceiros do ramo de apostas a fim de viabilizar o projeto.

Na reserva do MIBR desde após o PGL Major Antwerp 2022, WOOD7 anseia por retornar às competições. Conforme também informado pelo portal, o jogador já vinha trabalhando em um novo projeto este mês, o qual chegou a apresentar a clubes como Corinthians e Paquetá, mas com um elenco possuindo nomes menos badalados, como Leonardo “Leomonster” Enrique e Lucas “lux” Meneghini, que preteriu a B4 a fim de jogar ao lado do AWPer.

Felps deixou o time titular da GODSENT em março deste ano, em decisão própria junto da organização. O jogador chegou a se afastar do competitivo, mas decidiu retornar no último dia 13. Ele acabou se desligando do clube sueco. Também segundo a Dust2 Brasil, o jogador chegou a conversar com Vito “kNg” Giuseppe sobre a possibilidade de montarem um time pelo O PLANO.

Esta não é a primeira vez que o Fluxo cogita entrar no CS. A organização era uma das que negociavam com o Last Dance, elenco liderado por Gabriel “FalleN” Toledo que acabou fechando com a Imperial.

Total
0
Compartilhamentos
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.