Steel revela que novo companheiro de equipe é professor de CS:GO em escolas da Dinamarca

Lucas “steel” Lopes, jogador de CS:GO da Movistar Riders, fez uma publicação interessante nesta sexta-feira (7). O brasileiro comentou sobre aulas do FPS nas escolas da Dinamarca. A história foi confirmada com Sebastian “larsen” Larsen, dinamarquês novo integrante da sua equipe.

O investimento da Dinamarca nos esportes eletrônicos não é de hoje. Em 2018, após eliminação no Mundial de Hearthstone em Amsterdã, Frederik “Hoej” Nielsen comentou sobre as atividades que alguns colégios do país tinham de esports.

“Em algumas escolas, internatos, é possível escolher ter aulas para aprender sobre esports, em que você pode treinar para ser bom em esports, quase como se fosse uma aula de educação física depois das aulas normais”, disse o jogador.

Jogador de Hearthstone, Hoej, em ação. Foto: DreamHack

+ Casters se recusam a transmitir BLAST após parceria com a NEOM
+ Blizzard transforma Reckful em personagem de World of Warcraft

Além disso, o Ministro da Cultura dinamarquês, Mette Bock, em abril de 2019, anunciou medidas para melhorar o mercado dos games no país. Assim, ele pretendia gerar mais empregos na área e criar uma cultura de esportes eletrônicos.

“Temos de garantir que exista uma estrutura capaz de sustentar o desenvolvimento da atividade. Os esports estão numa fase de desenvolvimento acelerado, tanto esportivo quanto econômico, e os jogadores dinamarqueses fazem parte da elite mundial”, disse o ministro.

Os investimentos têm se mostrado eficientes, visto que a Dinamarca é uma das grandes potências de esportes eletrônicos do mundo, principalmente no CS:GO.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas notícias