Pesquisas revelam o perfil do novo apostador brasileiro em esports

Apostador

O cenário das apostas esportivas no Brasil está passando por uma transformação marcante, impulsionada pela adoção crescente de plataformas online como a Parimatch e o entusiasmo emergente pelos esports. Duas pesquisas recentes trouxeram luz sobre esse fenômeno, desenhando o perfil do novo apostador brasileiro.

Segundo o estudo conjunto do Instituto QualiBest e da ENV Media, cerca de 76% dos internautas brasileiros estão envolvidos em alguma forma de aposta ou jogo de azar, com uma notável inclinação para as loterias e apostas esportivas. Este último ganha destaque especialmente entre a juventude, que está cada vez mais inserida na cultura digital e no mundo dos esportes eletrônicos.

anúncio betboomanúncio betboom

Já o levantamento realizado pelo Aposta Legal Brasil e Opinion Box reforça essa tendência, apontando que os esports surpreendem como a segunda modalidade mais procurada para apostas, logo após o futebol, com 13% da preferência dos apostadores.

Demografia e ticket médio

Os estudos revelam um perfil demográfico dos apostadores com forte representatividade da Geração Y, grupo composto por indivíduos na faixa etária dos 25 aos 40 anos, aproximadamente. Este grupo demonstra maior propensão às apostas esportivas, com um gasto mensal médio que gira em torno de R$ 80, principalmente entre as classes A e B, em contraste com os R$ 58 da média geral.

Este aumento no valor gasto nas apostas pelos mais jovens reflete uma maior frequência de jogo e um maior engajamento com as apostas esportivas. Além disso, os dados indicam que os participantes dessa faixa estão mais abertos a experimentar novas modalidades quando disponibilizadas.

A pesquisa da Opinion Box revela uma distribuição equilibrada de gênero entre os apostadores brasileiros, com uma ligeira predominância feminina: 51% das pessoas entrevistadas foram do sexo feminino, enquanto 49% foram do sexo masculino.

Paradoxo da desconfiança

A relação dos brasileiros com as apostas esportivas também é marcada por uma aparente contradição. Isso porque apesar da grande aderência, a pesquisa do Instituto QualiBest destaca que somente 32% dos entrevistados percebem as plataformas de apostas online como seguras e confiáveis.

Esse paradoxo sugere que mesmo com as preocupações com a segurança, a atratividade das apostas e a possibilidade de ganhos ainda mantêm um forte apelo entre os brasileiros. Ainda assim, o número de apostadores que relatam já ter tido algum problema com apostas online é baixo, de apenas 14%.

Endividamento nas apostas

Um dos aspectos mais preocupantes destacados pela pesquisa do Aposta Legal Brasil é a questão do endividamento para sustentar o hábito das apostas. De acordo com o levantamento, cerca de 54% dos apostadores brasileiros relataram ter feito dívidas ou pedido dinheiro emprestado para apostar. Isso sugere que um comportamento de risco não é incomum entre os jogadores, onde a empolgação do jogo pode levar a decisões financeiras prejudiciais.

A prática de apostar além dos próprios meios é um indicador claro de jogo irresponsável e um sinal de alerta para possíveis problemas relacionados ao vício em jogos de azar. O ato de perder grandes quantias de dinheiro ou a falta de autocontrole para estabelecer limites financeiros racionais durante as apostas foi relatado por 51% dos entrevistados. Isso não apenas ressalta a importância de medidas de jogo responsável, mas também a necessidade de suporte e educação para os apostadores sobre a gestão de suas finanças e os riscos associados às apostas.

A pesquisa destaca ainda que 37% dos participantes admitiram perder mais dinheiro do que o planejado, e 28% relataram sentir ansiedade relacionada ao jogo. Estas estatísticas chamam a atenção para a realidade desafiadora que muitos enfrentam ao mergulhar no mundo das apostas, e enfatiza a necessidade de uma abordagem equilibrada e consciente em relação a essa atividade.

O futuro das apostas em esports no Brasil

cblol 2023 jogos
Foto: Bruno Alvares/Riot Games Brasil

Para que o mercado de apostas, incluindo as em esports, alcance seu potencial de crescimento, é imprescindível que as plataformas de apostas aumentem a percepção de confiabilidade entre os usuários. O paradoxo da desconfiança observado atualmente sinaliza uma oportunidade: operadoras que investem em medidas de segurança e promoção de jogo responsável podem ganhar a dianteira na conquista da confiança do público brasileiro.

À medida que a regulamentação do setor evolui, a expectativa é de que o ambiente de apostas amadureça, oferecendo uma estrutura mais transparente e segura que poderá impulsionar ainda mais a popularidade dessas atividades. Esse progresso, associado ao ardor dos fãs brasileiros pelas apostas esportivas, poderá posicionar o Brasil como um líder regional no mercado.

Foto de capa: Depositphotos

Total
0
Compartilhamentos
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

melhores cassinos online melhores cassinos online