Jogador de PUBG Mobile da INTZ faz comentários racistas em stream

Atualização 06/04: Em nota, a equipe de esports da PUBG Mobile afirmou que o jogador citado na matéria está suspenso por um ano de todos os torneios oficiais da modalidade.

“No dia 04/04, após as partidas pela PMPL Brasil, alguns membros da equipe da INTZ deram entrevista a um canal na Twitch. Durante essa entrevista, um dos jogadores da INTZ, o Goodzin, proferiu insultos racistas a outro jogador de PUBG MOBILE. Frente à prova irrefutável de tal conduta, levando em consideração a natureza das palavras usadas, a Tencent Games decidiu punir com um ano de suspensão em torneios oficiais o jogador, tendo efeito imediato, e utilizando como base o artigo 6.3.3 do regulamento da PMPL Brasil.”

Lucas “goodziN”, jogador de PUBG Mobile da INTZ, fez comentários racistas durante a transmissão do podcast DropCast, no canal do ferzotetv na Twitch. A denúncia foi feita de forma anônima ao The Clutch Esports.

Em live, os jogadores do elenco intrépido respondiam a uma pergunta do chat em relação à performance durante a PUBG Mobile Pro League, na qual a equipe foi a grande destaque na primeira semana. Confira o vídeo e o diálogo da conversa a seguir:

— goodZiN: “É um preto filho da p… pode falar isso?”.
— FerzoteTV: “Não não não, fala isso não”.
— goodZiN: “O cara marrom lá véi, um cara marrom lá…”.

Após os comentários de goodZiN, os demais companheiros de equipe, embora tivessem rindo da situação, pediram para que ele parasse de fazer tais comentários na transmissão. Procurada pela reportagem, a INTZ emitiu o seguinte comunicado:

“Perante a gravidade dos termos utilizados pelo jogador de PUBG Mobile, goodZiN, ao se referir a um companheiro de competição durante a participação no podcast DropCast, comunica-se:

Após avaliação interna do caso pelo departamento de Recursos Humanos do INTZ, foi decidido rescindir imeditamente o contrato do jogador Lucas “goodZiN” Martins.

Apesar do encerramento do vínculo contratual, foi oferecido ao jogador um processo de reeducação e conscientização coordenado pelo departamento responsável.”

4 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

spot_img