TFT: Lista das melhores composições do patch 10.25

O jogo de tabuleiro TFT, que foi responsável por desbancar o autochess da Valve, Dota Underlords, veio com sua última atualização de balanceamento do ano. Após um ajuste gigante de campeões anteriormente, agora os desenvolvedores focaram em buffar unidades e características que estavam mais deficitárias, tendo como objetivo deixar todas aproveitáveis.

Isso aconteceu com Sabugueiro, que antes havia sido nerfado a um nível pouco aproveitável, mas agora está de volta com força total. Aphelios voltou a subir em sua montanha-russa de aproveitamento após uma correção de um bug em suas atalaias, que impedia que elas ativassem o dano da trait Caçador.

As composições

O jogador SlooperX, que ganhou o prêmio de Melhor Atleta de Outras Categorias no Prêmio eSports Brasil, após conquistar o terceiro lugar no mundial de TFT, postou sua lista de melhores composições para que sua audiência tenha mais facilidade em subir de elo. Ele ainda prometeu atualizar com os micropatchings futuros. Confira:

1 — Tier S: Crepúsculo

A composição mais forte que temos no TFT no momento, o que se vê há alguns patches, é da característica Crepúsculo. Para ter a maior taxa de sucesso, o recomendado é investir em um Escolhido qualquer no início e vendê-lo no nível 7, atrás de uma Riven. A origem secundária que ajudará a guarnecer os campeões será a de Cultista, com a presença do Jhin como um dos carries. Ele também é um dos melhores campeões para colocar a espátula de Crepúsculo.

+TFT: Double61 se consagra campeão mundial; Slooper fica em 3º lugar
+Gaules e FURIA são destaques do Prêmio eSports Brasil; veja vencedores

De acordo com o intrépido, o foco no carrossel inicial é um item de Armadura, a Cota de Malha. Os itens principais são Capa de Fogo Solar, Centelha Iônica (ambos para Riven) e uma Mata-Gigantes para Jhin. Ele também lista outras opções: Mercúrio e Efeito Azul para Riven, Runaan e Último Sussurro para Jhin e Cálice do Poder para Cassiopéia, colocando-a ao lado de Riven.

Posicionamento sugerido pelo jogador. Créditos: SlooperX

2 — Tier S: Sabugueiro

Como dito no começo desta publicação, os Sabugueiros que foram cortados pelos nerfs voltaram a florescer, cabeceando o segundo lugar da lista. Seu escolhido precisa ser um deles, com prioridade na campeã Ashe, que ficou imensamente otimizada após uma série de correções de bugs. Se uma chance de espátula Sabugueiro aparecer, pegue-a para colocar no Sett, ele fica bem forte com ela.

A preferência por uma Armadura no carrossel inicial para que o Sett possa ser otimizado futuramente é essencial, podendo também ser substituído por uma Luva. Os itens chaves que veremos aparecer serão Capa de Fogo Solar, Mata Gigantes e Armadilha de Garra (os dois últimos para a Caçadora). Outras opções seriam: Guinsoo e Mercúrio para a Ashe, Determinação Titânica e Centelha Iônica no Sett e um Arauto de Zeke ao em vez de Cálice do Poder no Ezreal.

Um dos exemplos de posicionamento funcionais. Créditos: SlooperX

3 — Tier A: Divinos

Mesmo com o nerf de 5% recebido, que parece mais uma indecisão constante dos desenvolvedores de TFT do que uma busca por balanceamento, os Divinos continuam fortes em sua Ascenção. Warwick está de volta como o campeão principal, mas calma! Não é o pesadelo da “Warweek”, então podemos ficar seguros.

Ele é o escolhido ideal, mas começar com um outro caçador escolhido, como o Aphelios para carregar os itens do Lobo Mecânico, não é nada mau. A espada é o item do Carrossel de maior prioridade no início, mas as peças chaves para os campeões são um Mercúrio, Runaan e Medalhão dos Solari. Não tema se não conseguir a espada, pois outras opções são Mão da Justiça e Canhão no Warwick, Capa de Fogo Solar e Zeke no Jax e Efeito Azul no Lee Sin. Jax é um bom tanque, mas é melhor como carregador de itens subótimos.

O posicionamento dos divinos é pouco versátil, com os carregadores sempre perto do Jax. Créditos: SlooperX

4 — Tier A: Mestres da Guerra

Finalmente mostrando potencial após um começo adormecido no TFT, os Mestres da Guerra são os mais versáteis em quesito de escolhido: Katarina e Xin Zhao, apesar do streamer ter preferência pela assassina. Itens de Armadura no carrossel devem ser preferenciados, já que há vários tanques nessa composição. Também é bom transicionar para lendários no fim do jogo, já que seis Mestres decaem no final do jogo.

+LoL: Depois de dois anos, Tay e RedBert deixam o elenco do INTZ
+Mundial 2020: INTZ surpreende, vence Liquid, mas é eliminada por MAD Lions

A Capa de Fogo vai garantir seu winstreak no começo, a Pistola Laminar Hextec e o Mercúrio vão garantir que o campeão frágil que é a Katarina ulte e demore mais tempo para morrer. Mão da Justiça e Manopla Adornada, já que ela tem muita chance de crítico, são ótimas segundas opções para dano e recuperação de vida. Azir é um ótimo carregador de itens subótimos, principalmente um Cálice do Poder. Jarvin, que foi buffado, também pode carregar uma Centelha ao em vez de um ZzRot.

Sem espátula, o investimento certo no nível 9 são campeões lendários. Créditos: SlooperX

Você pode encontrar mais opções no post do imgur do Slooper, que foi postado com carinho no Twitter pelo jogador. Ele também explica mais detalhadamente como proceder no começo do jogo para poder formar a composição do seu agrado até o final, então é uma leitura recomendada se você quiser subir de elo. Já foi informado que algumas características irão sair do jogo ano que vem para dar espaço a outras, então se você quiser chegar no platina, a hora é agora!

4 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas notícias