CS:GO: FURIA estreia com vitória no Spring Sweet Spring 1

spot_imgspot_imgspot_img

Dando uma pausa na Dreamhack Masters, a FURIA entrou no servidor nesta terça-feira (4) pelo Spring Sweet Spring 1. O time brasileiro está no torneio como convidado e, por isto, entrou direto nas quartas de final para enfrentar a Sinners, do veterano Tomáš ‘oskar’ Šťastný. A partida foi disputada em uma MD3 disputada, onde prevaleceu o talento dos furiosos, vitória por 2-1.

+CS:GO: Team Liquid anuncia retorno de AdreN ao comando técnico
+CS:GO: fer diz que pior decisão da carreira foi não ter reassinado com a SK

Vitória suada

O primeiro mapa foi a Inferno, com a FURIA iniciando de TR. Mostrando uma boa variedade de jogo, os brasileiros começaram com tudo, vencendo o pistol e o primeiro armado, abrindo 5-0 no placar. Depois de perder dois rounds em sequência, a FURIA voltou a dominar a partida e, cedendo apenas mais dois pontos, venceu a metade por 11-4.

Depois da troca de lados, o time brasileiro voltou a ganhar o pistol, contando com um ninja defuse de Vinicius ‘VINI’ Figueiredo. Contudo, graças ao plant da C4, a Sinners conseguiu ir bem armada no forçado e ganhou o round e os próximos dois, deixando o placar em 12-7. Mas a FURIA voltou a controlar o mapa depois disso e fechou o jogo por 16-7.

Em seguida, a Vertigo apareceu como escolha dos tchecos. A equipe brasileira começou de CT e continuou com o mesmo ímpeto do mapa anterior. Depois de vencer o pistol e o primeiro armado, a FURIA abriu 5-0 no placar. Na sequência, algumas trocas de rounds aconteceram e a partida ficou 7-3. Entretanto, a Sinners passou a dominar e conseguiu vencer a metade por 8-7.

No segundo half, os europeus continuaram impondo seu jogo e, cedendo apenas o primeiro armado, abriram 14-8. A FURIA ainda tentou reagir no mapa, diminuindo a vantagem da Sinners para 15-12. Só que a equipe tcheca soube administrar o resultado para finalizar a partida por 16-12.

A definição do confronto ficou para a Mirage. Jogando de TR, a FURIA perdeu o pistol e largou atrás no placar, 2-0. Apesar disso, os brasileiros venceram o primeiro armado, passando a comandar a partida. a FURIA cedeu apenas mais dois pontos e venceu a metade por 11-4. Depois da troca de lados, o domínio brasileiro continuou. Apesar de perder o pistol, a FURIA levou o primeiro armado e, sem perder mais rounds, fechou em 16-6.

Com a vitória, o time do IGL Andrei ‘arT’ Piovezan avança para a semifinal da competição. Agora, a FURIA volta a jogar amanhã (5), às 10h, contra a forZe, em busca da vaga na grande final.

spot_imgspot_imgspot_img

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

spot_img

Últimas notícias