CS:GO: FURIA derrota G2 e passa para as quartas da ESL Pro League 13

Neste domingo (4), a FURIA abriu a segunda rodada dos playoffs da ESL Pro League 13 contra a G2. O time brasileiro não deu chances para os algozes da Liquid e venceu a MD3 por 2-0.

+CS:GO: Após áudio vazado, cinco jogadores são suspensos pela ESEA
+CS:GO: Virtus.pro consegue maior virada da história no lado CT da Dust 2

Atropelo furioso

A Vertigo começou com a FURIA de TR e, já no pistol, Yuri ‘yuurih’ Santos ganhou um clutch 1×2 para garantir o round. Depois disso, o time brasileiro encaixou uma boa sequência e abriu 9-1 no placar. A G2 tentou reagir e, pontuando três vezes seguidas, diminuiu o prejuízo francês para 9-4. Só que a FURIA levou as duas últimas rodadas e fechou a metade em 11-4.

E foi o mapa dos clutchs. Na troca de lados, novamente um 1×2 a favor dos brasileiros no pistol. Desta vez, o responsável pelo round foi o americano Paytyn ‘junior’ Johnson. Depois da FURIA perder o primeiro armado, foi a vez do IGL Andrei ‘arT’ Piovezan ganhar um 1×4, deixando o jogo 14-5. E o capitão brasileiro ainda esfaqueou Nikola ‘NiKo’ Kovač, para fechar a partida por 16-5.

Na Mirage, a FURIA levou o pistol no lado CT e abriu 4-1. Entretanto, contando com um round eco logo em seguida, a G2 encaixou oito pontos e virou o placar para 9-4. Buscando a reação, os brasileiros levaram as duas últimas rodadas e o half terminou com os europeus na frente por 9-6.

Quando passou para o TR, a FURIA continuou a sequência de vitórias no pistol e, depois de vencer o primeiro armado, virou a partida para 10-9. Após isso, a equipe brasileira permitiu apenas mais ponto por parte da G2 e finalizou o mapa em 16-10.

A vitória classifica a FURIA para as quartas de final da competição. Agora, o time brasileiro volta a jogar na próxima sexta-feira (9), às 10h30. O adversário será o perdedor do confronto entre Gambit e Astralis, que acontece na quinta-feira (8), às 14h.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas notícias