Universidade de Michigan receberá investimento de R$ 21 milhões para criar graduação em esports

spot_imgspot_imgspot_img

A Universidade de Michigan, nos Estados Unidos, receberá um investimento de US$ 4 milhões, cerca de R$ 21,5 milhões de acordo com a cotação atual, para elaborar um programa de graduação em esportes eletrônicos. A inserção do capital na instituição será feita por meio de Robert Kotick, CEO da Activision Blizzard, empresa responsável por jogos como Overwatch e Call of Duty.

+ Principal universidade da China cria curso de gestão em esporte eletrônico
+ Universidade do Reino Unido oferece bolsas de esports exclusivas para mulheres

A iniciativa tem como objetivo lançar um curso multidisciplinar em 2022 para capacitar pessoas a trabalhar na indústria dos esports. A graduação combinará diversas disciplinas – como ciência da computação, gestão esportiva e experiência do usuário – na formação dos estudantes.

“O esporte eletrônico está destinado a um crescimento explosivo. Estou empolgado em me juntar à Universidade de Michigan para desenvolver um programa que cultivará os talentos necessários às necessidades desta indústria complexa e em evolução. Ao contrário dos esportes tradicionais, os esports são um esporte verdadeiramente participativo, que todos podem jogar e desfrutar”, disse Kotick.

Ao todo, quase dez cursos já existentes na universidade farão parte do programa. Além disso, haverá financiamento para a área de estudos e pesquisas, que incluirá tópicos como o papel da mulher nos esports e o desenvolvimento cognitivo e psicológico de atletas eletrônicos.

Cursos como de Informação, Cinesiologia e Engenharia já se tornaram parceiros do novo programa da universidade. Assim, estudantes da área poderão ter aulas com especialistas em esports, onde irão aprender sobre o funcionamento do cenário competitivo e a indústria por trás das competições.

spot_imgspot_imgspot_img

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

spot_img

Últimas notícias