“Nosso investimento é 3 vezes maior que das equipes do CBLoL”, diz PlayHard

Um dos maiores influenciadores e empreendedores dos esports no Brasil, Bruno “PlayHard” Bittencourt concedeu uma entrevista ao blog GGWP, onde conversou sobre a sua organização, LOUD, e os planos dela para outras modalidades.

PlayHard comentou que a LOUD está de olho no mercado e não descarta entrar em novas modalidades que têm potencial, como VALORANT e Wild Rift, versão para celulares e consoles de LoL. Os jogadores mobile, inclusive, são o grande público da organização.

“É natural considerar entrar em outras modalidades para expandir, criar novos conteúdos e validar a organização entrando em mais competições. Estamos olhando para todas oportunidades e atentos ao mercado, sempre analisando se faz sentido dentro do nosso planejamento”, afirmou.

Além disso, ele também citou o próprio League of Legends. No Brasil, o CBLoL, principal liga nacional, em breve entrará no sistema de franquias, e equipes de fora precisarão pagar 4.4 milhões de reais para adquirir uma vaga. Entretanto, isso não parece assustar PlayHard.

“É importante mencionar que, embora não possamos dizer quanto, nosso investimento hoje em Free Fire é três vezes maior do que o custo de qualquer equipe do CBLoL. Mas acreditamos que novas modalidades são apenas o primeiro passo. […] A expansão da LOUD vai se direcionar mais aos interesses da audiência do que apenas ao mercado de esports”, destacou PlayHard.

+ LOUD aproveita tropeço da B4 e se aproxima da liderança na C.O.P.A. Free Fire
+ VALORANT: Cinco dicas essenciais para aprender a jogar

A LOUD é hoje a organização com o maior número de visualizações na plataforma YouTube no mundo, com mais de um bilhão. Além disso, ela é uma das maiores referências no cenário competitivo e na produção de conteúdo de Free Fire.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas notícias