VALORANT: Atualização 2.03 traz nerfs em Reyna, Stinger, Frenzy e mais

A Riot Games divulgou nesta quarta-feira (17) as notas de atualização 2.03 de VALORANT. Junto com o patch, chega diversas mudanças que devem impactar no meta do jogo. Isso porque, principalmente, houve nerf na agente Reyna e em armas como Stinger e Frenzy.

+ VALORANT: Modo Disparada é revelado pela Riot Games
+ VALORANT ganhará coleção de skins inspiradas no Ano Novo Chinês

Em relação à agente, Reyna recebeu mudanças drásticas em seu kit de habilidades. O número de cargas do Devorar (Q) e Dispensar (E) foram reduzidos de 4 para 2. Segundo a desenvolvedora, a mudança “limitará o impacto dela a cada rodada quando ela for muito melhor de mira que os oponentes”.

Além disso, o custo das habilidades também foi aumentado de 100 créditos para 200, a fim de “tornar as decisões econômicas dela mais difíceis na rodada de pistolas”, de acordo com a própria Riot. Contudo, houve também um buff em relação aos Orbes de Alma (confira a seguir).

  • Máximo de cargas de Devorar (Q) Dispensar (E) reduzido de 4 para 2;
  • Preço das cargas de Devorar e Dispensar aumentado de 100 para 200;
  • Abater inimigos que receberam dano da Reyna nos últimos 3 segundos agora cria Orbes de Alma, mesmo que a Reyna não tenha dado o último disparo.

Outro que também recebeu mudanças no patch foi Yoru. Com ajustes pontuais em Passagem Dimensional (E) e Espionagem Dimensional (X), a expectativa da Riot é que isso facilite as investidas do agente na busca por informação inimiga.

Passagem Dimensional (E)

  • A Passagem Dimensional agora mostra o alcance de visão que um inimigo tem do fluxo dimensional enquanto se movimenta no minimapa.
  • O alcance sonoro de um inimigo do teleporte de Passagem Dimensional agora é exibido no minimapa.

Espionagem Dimensional (X)

  • Agora o minimapa do Yoru fica visível durante a Espionagem Dimensional.
  • Inimigos no raio de visão do Yoru durante a Espionagem Dimensional agora também são revelados no minimapa para aliados.
  • Espionagem Dimensional não consegue mais bloquear a passagem dos inimigos.

Mudanças em armamentos

Depois de inúmeros feedbacks vindos da comunidade, a Riot Games lançou alguns nerfs para Frenzy e Stinger. Essas armas, bastante utilizadas em rounds iniciais e/ou econômicos, têm sido um ponto forte no meta competitivo, principalmente pelo seu poder de fogo. Assim, ambas as armas receberam alterações nessa atualização.

Em contrapartida, a Marshall acabou recebendo melhorias significativas, tornando-a mais forte, ágil e precisa para abates. Confira as mudanças a seguir:

Stinger (Modo automático)

  • Preço aumentado de 1.000 para 1.100.
  • Taxa de disparos no modo automático reduzida de 18 para 16.
  • O modo automático agora atinge a dispersão máxima na 4ª bala, em vez da 6ª
  • Pico vertical de recuo ajustado no modo automático (agora o recuo é mais agressivo a partir da 3ª bala).

Stinger (Modo rajada)

  • Pico de recuo vertical ajustado para ser mais agressivo após a primeira rajada.
  • Mais erro de disparo adicionado após a primeira rajada.
  • Tempo de recuperação após uma rajada melhorado de 0,45 para 0,4.

Frenzy

  • Preço aumentado: 400 de 500.

Marshall

  • Velocidade de Movimento com o zoom ativo agora é de 90% da Velocidade de Movimento original sem o zoom (antes, a Velocidade de Movimento com zoom era de 76% da original).
  • Preço reduzido de 1.100 para 1.000.
  • Ampliação do zoom aumentada de 2,5x para 3,5x.

Por fim, também foi revelado um novo modo de jogo, Disparada, que estará disponível assim que a próxima atualização entrar em vigor, bem como correções pontuais como nos áudios das habilidades de Phoenix e Brimstone e em outros bugs. Para saber mais sobre as mudanças na atualização 2.03, clique aqui.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas notícias